Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Exercício e Saúde

by LONGAEVITAS.pt

Exercício e Saúde

by LONGAEVITAS.pt

03
Mar09

Nutrição

Longaevitas

Boa noite,
 
Antes de mais gostaria de agradecer à Dra. Isabel Fragoso pelas saudáveis iniciativas propostas no site, uma vez que podem ser um aliado crucial para quem quer usufriur de uma vida activa e colorida. 
O meu nome é Estefânia Rodrigues, tenho 18 anos e vivo em Vila Nova de Gaia. 
 Para mim, a adolescência traduziu-se num período conturbado. Ganhei muito peso devido aos hábitos alimentares de excessos, conjugados com muitos doces! Com 15 anos pesava 72 kg e media 1, 60 m! 
Por iniciativa própria e após um período de recolha de informação sobre rituais de vida saudável, reuni a familia e traçei um novo plano alimentar com vista a perder os quilinhos a mais e de forma a não se traduzir, futuramente, em problemas gravosos para a saúde. Sentia-me pesada e diferente das outras meninas. 
O plano alimentar começou por incluir sopa e legumes em todas as refeições. Dexei de comer carne vermelha e, ainda hoje, não sinto necessidade de ingeri-la. Substitui os doces que comia diariamente por uma peça de fruta. Substitui o pão branco pelo pão integral e o mesmo aconteceu com o arroz e massas. 
Hoje tenho 18 anos, meço 1, 72 e peso 54 kg! 
O meu dia de dieta alimentar começa com um pão integral (50 gr) e com um iogurte 0% de gordura. Ao almoço opto por carne branca (aves) ou peixe, acompanhado por legumes ou salada. Ao lanche como 2 fatias de pão integral com fiambre de perú ou frango. O jantar é semelhante ao almoço. Bebo muitos liquidos, incluindo chá. Pratico exercicío fisico diaraiamente.
 
No entanto, uma dúvida persiste sobre o meu dia alimentar. Ingiro demasiado pão (uma vez que como duas unidades por dia - ao pequeno- almoço e ao lanche)?  
 

Muito obrigada pela oportunidade de expressar a minha felicidade pela conquista de uma vida saudável e activa e pelo esclarecimento desta dúvida!
Com os melhores cumprimentos,  Estefânia Rodrigues. 

Cara Estefânia,
Antes de mais muitos parabéns por ter emagrecido por sua iniciativa recorrendo à informação que já existe e que está acessível a todos. Agora interessa manter o peso fazendo uma dieta saudável e tendo uma vida activa. Descreveu a sua dieta e perguntou se era  pouco aconselhável comer duas vezes pão por dia. Eu diria não, pelo menos com base no que descreveu. Não sei que quantidades ingere em cada uma das refeições mas segundo parece retirou por completo da sua alimentação outros alimentos ricos em hidratos de carbono, logo não me parece nada demais incluir pão no pequeno almoço e ao lanche já que o funcionamento do nosso cérebro está dependente de  glícidos. Portanto é muito importante ingerir hidratos de carbono. Não tem que ser sempre pão. Pode manter estável a quantidade de hidratos de carbono que ingere mas introduzir na sua alimentação outros cereais para além do pão. Por exemplo lanchar cereais integrais ou não ingerir pão ao pequeno almoço e ingerir meia chávena de arroz ao almoço ou ao jantar. Deve ingerir a maior diversidade possível de alimentos especialmente cereais que como mostra a pirâmide alimentar são uma fonte energética tão importante. Faça por manter as quantidades que lhe são habituais trocando o tipo de hidratos de carbono. Por exemplo se ingere 4 fatias de pão por dia pode ingerir em substituição três colheres de cereais, uma batata média cozida, meia chávena de arroz cozido, e uma fatia de pão.  Ainda algumas sugestões que me parecem poder fazer a diferença: 1. Parece-me que proporcionalmente ao total de alimentos ingerido ingere proteína animal demais; 2. Tem que ingerir pelo menos duas peças de fruta se possível fora das refeições; 3. Faça pelo menos um snak a meio da manha que pode ser uma peça de fruta; 4. Faça exercício!!!!
Espero ter ajudado
Um abraço
Isabel

 

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.