Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Exercício e Saúde

by LONGAEVITAS.pt

Exercício e Saúde

by LONGAEVITAS.pt

21
Set09

Viciada em pão cura eczema

Longaevitas

 

Vou partilhar convosco a história duma doente que resolveu um problema que a afectava depois de fazer o Yorktest
Após 4 anos de tratamento a um eczema, Ana de 20 anos não sentia melhoras. Tentou então uma solução por sua alta recriação, e descobriu que os sintomas que tinha estavam relacionados com os alimentos que ingeria – especificamente com o consumo diário de pão. Um problema que a afectou durante 20% da sua vida foi resolvido graças a um teste de intolerância alimentar IgG que o seu médico de família nem sequer conhecia. 

Diz a Ana ...

"O meu eczema começou quando eu tinha 16 anos e era mais acentuado à volta dos olhos. O meu médico prescreveu os cremes do costume, mas quanto mais tempo passava, mais eu sentia que o tratamento não estava a resultar. Através da Internet, encontrei uma Associação de doentes com alergia, a Allergy UK, que me sugeriu um teste que mede os anticorpos IgG do sangue ".

"Quando os resultados chegaram, vi que tinha alergia a pão, e molhos. Eu comia pão a todas as refeições. Além disso, comia molhos o que agravava o meu eczema ".

"Cortei imediatamente com o pão e o eczema desapareceu. Além disso deixei de utilizar molho na minha dieta.  
Os meus tios são médicos, mas nunca tinham ouvido falar sobre este teste, mas, sem dúvida, funciona porque se eu comer pão hoje, então o eczema reaparece.
Eu só queria que mais pessoas conhecessem esta opção para lutar contra um eczema renitente, como era o meu e não estivessem tão limitadas à recomendação de rotina do médico.”

 
"O teste que eu fiz foi um teste dum laboratório credenciado. Bastou picar o meu dedo, e tirar uma pequena amostra de sangue. Esta amostra é enviada para York, onde se situa a Yorktest. Passados alguns dias fiquei a saber a que alimentos era intolerante.
O teste mede os níveis de IgG, e esses níveis são mais elevados quando em contacto com certos alimentos. Comigo resultou em pleno, porque identificou o pão, e sem o pão na minha dieta vi-me livre do eczema que me afectava”

6 comentários

  • Imagem de perfil

    Longaevitas 30.05.2012 11:22

    Bom dia Luís,
    Obrigado pela sua questão.
    Como deve calcular este é apenas um exemplo, e como depreendo da sua pergunta compreende que dificilmente alguém terá que retirar apenas o pão da alimentação, visto que este é composto por vários ingredientes.
    Claro que ao retirar o pão que é um alimento presente todos os dias e várias vezes, os sintomas poderão melhorar, como foi o caso apresentado, mas só a partir duma análise que identifique todos os ingredientes a que há alergia será possível ser rigoroso e obter resultados fiáveis.
    Espero ter ajudado .
  • Sem imagem de perfil

    luis 30.05.2012 13:14

    Me interessei por este caso porque é exatamente o q acontece comigo. Já fui em muitos médicos e nenhum deles resolveu e sequer cogitaram a possibilidade da causa ser a alimentação. Por acaso fiquei uns 10 dias sem comprar pão e minha pele limpou, e qdo comi pão de novo voltaram as manchas no meu rosto. Parei com o pão de novo e limpou de novo. Mas acho q não é o glúten pq continuo a comer massas e biscoitos. É algum ingrediente do pão mesmo. Qual o exame que eu poderia fazer? Este IgG citado será q tem aqui no Brasil?
  • Imagem de perfil

    Longaevitas 30.05.2012 17:11

    Bom dia Luís,
    Tem razão quando diz que pode não ser o glúten a causa do seu problema. Como referi anteriormente só testando podemos identificar qual ou quais os ingredientes que provocam a reacção que descreve.
    Não sei que testes estão disponíveis no Brasil, contudo posso dizer-lhe que o Yorktest é o único que tem dados clínicos que comprovam a sua eficácia e que pode ler no nosso site em www.yorktest.pt.
    Se pretender fazer o teste, mesmo fora de Portugal podemos enviar-lhe o kit e posteriormente quando chegar o resultado fazemos a consulta telefonicamente.
    Cumprimentos
  • Sem imagem de perfil

    luis 30.05.2012 18:13

    qual o valor do teste?
  • Imagem de perfil

    Longaevitas 31.05.2012 11:46

    O Yorktest é feito em 2 fases, porque mesmo tendo sintomas, a causa desses sintomas pode ser outra e nesse caso não vai pagar o teste todo só para lhe dizer que a causa é outra. Fazemos o indicador, que custa 25€. Este indicador só diz se é positivo ou negativo. Se for negativo acaba ali o processo, se for positivo deverá então fazer o upgrade, que custa 350€. Nessa altura vem o resultado com todos os alimentos descriminados, e é marcada uma consulta que é presencial sempre que os clientes possam e queiram e telefónica caso não se possam deslocar, como é o caso de alguém que mora fora de Portugal.
  • Comentar:

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.