Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Exercício e Saúde

by LONGAEVITAS.pt

Exercício e Saúde

by LONGAEVITAS.pt

05
Jan12

Colite ulcerosa

Longaevitas

Boa tarde.

Tenho uma colite ulcerosa já há alguns anos e gostaria de saber se o vosso teste seria benéfico para o meu caso, para evitar ou comer alimentos que me possam ser prejudiciais ou benéficos.
Obrigado
Cmpts
Marcos Rodrigues

 

Meu Caro Marcos Rodrigues,

 

Muito obrigado pelo seu pedido de informação.

 É muito difícil responder com rigor à sua pergunta sem saber em que fase da doença está. Contudo podemos fazer algumas considerações genéricas e caso esteja interessado em aprofundar o seu caso estamos à sua disposição para o tentar ajudar.

Como sabe a colite ulcerosa consiste na inflamação destrutiva de parte do cólon e recto. Inicialmente limita-se à mucosa, mas posteriormente surgem pequenas úlceras, podendo surgir posteriormente muitos outros problemas.

Apesar de não haver cura, o tratamento minimiza os problemas e evita complicações graves. Desde medicamentos antidiarreicos, e outros para alívio dos sintomas, passando por anti-inflamatórios, corticosteróides e imunossupressores, ou mesmo procedimentos cirúrgicos.

Procurando responder à sua questão sobre se o Yorktest pode contribuir para ajudar a controlar a sua doença, enquadramos a nossa resposta dentro das medidas dietéticas que se devem tomar em doentes com colite ulcerosa.

Como sabe a dieta passa por diminuir a ingestão de lípidos, bem como fibras longas que vão ter um efeito irritante do cólon. Para além destas considerações básicas, o Yorktest permite identificar os alimentos que estão a provocar inflamação através dum teste ao sistema imunitário.

Por ser um teste ao sistema imunitário, caso esteja a tomar medicamentos imunossupressores isto poderá alterar o resultado do seu teste, pelo que deverá fazer um intervalo (caso seja possível), entre a toma desses medicamentos e a recolha da amostra sanguínea necessária para realização do teste.

Como possivelmente viu o estudo mais rigoroso que a Yorktest fez foi no cólon irritável, e os resultados são inquestionáveis. Foram publicados na revista científica GUT (uma das revistas de mais prestígio a nível mundial na área de Gastroenterologia). Caso pretenda ler o artigo pode fazer o download no nosso site em www.yorktest .pt.

Finalmente gostaríamos de falar na nossa experiência pessoal com diversos casos de colite ulcerosa em que vimos claramente os benefícios que os nossos pacientes obtiveram após a realização do teste e iniciarem a dieta que prescrevemos. Um desses exemplos foi o da Dra. Rita Ferreira Leite, médica que refere não saber exactamente se tem doença de Chron ou colite ulcerosa, e que aceitou dar o seu testemunho. Poderá ler no nosso site no fim da página de entrada.

Tem quatro páginas que referem Prevenir (revista), que contém este importante testemunho.

 

Cumprimentos,

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.